.

Capa da Semana (24)


Fui comprar umas revistas e me surpreendi com uma edição da revista MAD. Fazia muito tempo que não via e, só de olhar meu pensamento remeteu aos tempos de adolescência.
A MAD foi fundada em 1952, nos EUA, pelo empresário William Gaines e pelo editor Harvey Kurtzman. Com um humor peculiar, chegou a ser censurada e se gabava por não ter anúncios nas suas páginas (o que durou até 2001).
Chegou ao Brasil no início da década de 1970, através da editora Vecchi. Além do estilo, a marca da edição brasileira é o editor Otacílio D’Assunção, mais conhecido por Ota. Infelizmente, em seu blog, Ota acaba de comunicar uma decisão que deve repercutir no destino da revista recém publicada pela editora Panini: "Depois de 34 anos à frente da revista MAD no Brasil, é chegada a hora de parar. Há muito tempo eu estava descontente, mas nos últimos seis meses as coisas foram tomando um rumo desagradável".
A Panini é a quarta editora a publicar MAD. Depois da falência da Vecchi, a revista foi assumida pela Record, entre 1984 e 2000. Parou novamente de ser publicada e, poucos meses depois passou para a editora Mythos. A parceria durou seis anos, até uma nova parada. Depois de um ano sem atividade, retornou às bancas neste ano, através da Panini (revista/blog).

0 Opiniões:

Google