.

Sonora dor

Exatamente há uma semana atrás (10 de julho), Paulo Moura participou de uma jam session muito especial. Debilitado por um câncer que preferiu manter incógnito enquanto pôde, o grande músico brasileiro recebeu alguns amigos na varanda da clínica em que estava internado. Nesta semana, o cineasta Eduardo Escorel postou um vídeo emocionante da execução do clássico Doce de côco, de Jacob do Bandolim e Hermínio Bello de Carvalho (confira o texto, no site da Revista Piauí), a última vez em que o músico tocou seu instrumento. Ao teclado, ninguém menos do que Wagner Tiso. Dia 13, dois dias antes de completar 78 anos, Moura nos deixou. Mas, sua música estará sempre presente.

Despedida from Eduardo Escorel on Vimeo.

Artista de todos os ritmos, aqui Moura esbanja talento no
programa de Rolando Boldrin, Sr. Brasil (TV Cultura SP):

Aqui, no lançamento do seu último CD, Bossa Batuta,
realizado dia 19 de junho, no SESC Pompéia (SP):

(Confira outros vídeos aqui)

0 Opiniões:

Google